NFL - Playoffs

  • Crédito: Getty Images Sports

    Esse foi o primeiro jogo de playoffs decidido na prorrogação desde 2011

Watson brilha e Texans vencem Bills no Wild Card

Houston chegou a perder por 16 pontos, mas quarterback comandou a virada e vitória na prorrogação
Por: Redação - 04/01/2020 22:23:02

O jogo de abertura dos playoffs teve uma grande atuação de Deshaun Watson para o Houston Texans vencer o Buffalo Bills por 22 a 19 na prorrogação. O duelo deste sábado (4), valeu a primeira vitória de Watson em sua carreira em jogos de pós-temporada.

Esse foi o primeiro jogo de playoffs decidido na prorrogação desde 2011, quando o Denver Broncos venceu o Pittsburgh Steelers com grande atuação de Tim Tebow no comando do ataque dos Broncos.

Mesmo com a derrota, os Bills lideram as estatísticas ofensivas do jogo, conseguindo mais jardas totais (425 a 360), aéreas (253 a 219) terrestres (172 a 141) e conversões de terceira descida (52% a 46%).

Watson terminou jogo com 20/25 nos passes para 247 jardas e um touchdown lançado, além de 55 jardas terrestres e um touchdown corrido. O principal receiver do quarterback foi DeAndre Hopkins com seis recepções para 90 jardas.

Já Josh Allen teve mais um jogo de altos e baixos com 24/46 nos passes para 264 jardas, além de 92 jardas corridas e uma recepção para touchdown de 16 jardas. O ataque também contou com grande desempenho do running back Devin Singletaty que registrou 134 jardas de scrimmage.

Os Texans precisam aguardar o resultado do outro jogo de Wild Card da AFC para conhecer seu adversário na Rodada Divisional. Caso o New England Patriots vença, Houston irá enfrentar o Baltimore Ravens, mas caso o Tennessee Titans ganhe, será o Kansas City Chiefs o adversário a equipe texana.

O jogo

O primeiro tempo de jogo foi todo favorável aos Bills. Com três punts forçados e 13 pontos no placar, Buffalo dominou o ataque dos Texans e contou com bom desempenho de Allen para colocar margem no placar.

A primeira campanha, por exemplo, foi comandada por 75 jardas pelo campo por Allen, que ainda recebeu passe para touchdown de 16 jardas do wide-receiver John Brown.

O ataque dos Bills ainda avançou 153 jardas nas duas últimas campanhas antes do intervalo, mas teve que se contentar apenas com field goals em ambos os drives. Coube então ao kicker Steven Hauschka dois chutes de 40 jardas para deixar o placar em 13 a 0.

A volta do intervalo também seguiu auspiciosa para os Bills. Primeiro o cornerback Tre’Davious White forçou fumble em Hopkins, com a bola sendo recuperado pelo linebacker Tremaine Edmunds.

Os Bills tiveram a oportunidade de ampliar ainda mais o placar, mas novamente não conseguiram entrar na end zone e tiveram que se contentar com field goal de 38 jardas de Hauschka.

Os Texans então reagiram no jogo e contaram com a inspiração de Watson para retornar a partida. Primeiro comandando uma campanha de 75 jardas pelo campo, terminada com o quarterback correndo por 20 jardas até a end zone.

Na sequência, o kicker Ka’imi Forbath converteu chute de 41 jardas e deixou o jogo em uma posse de bola. Mas a virada foi concretizada com outra boa campanha de Watson, que avançou 69 jardas pelo campo e conseguiu o touchdown ao passar para o running back Carlos Hyde por cinco jardas.

A posse de bola da virada não foi aproveitada pelos Bills. Só que a defesa dos Texans conseguiu pressionar Allen e o quarterback cometeu duas falhas seguidas. Primeiro cometeu uma penalidade de intentional grounding e na sequência correu para trás e foi sackado pelo linebacker Jacob Martin.

Só que a defesa dos Bills deu uma nova chance para o ataque, após conseguir retirar o ataque dos Texans após quatro jogadas, incluindo uma tentativa de quarta descida para menos de uma jarda.

Allen então conseguiu se redimir das falhas da campanha anterior e comandou os Bills por 41 jardas pelo campo para posicionar a equipe para o field goal de empate para a prorrogação. Hauschka não desperdiçou a oportunidade e deixou tudo igual com o chute de 47 jardas.

Os Texans tiveram a primeira posse de bola da prorrogação, mas em uma 3&3 ainda no campo de defesa, o tight end Darren Fells deixou cair a bola, após Watson sair do pocket e lançar a bola em movimento.

A chance da vitória ficou com os Bills, mas a arbitragem marcou uma falta polêmica de bloqueio ilegal do offensive tackle Cody Ford, que fez com que Buffalo tivesse que devolver a bola para os Texans.

Dessa vez, Watson e o ataque dos Texans não desperdiçaram a oportunidade e conseguiram chegar até o campo de ataque para anotar o field goal da vitória. A jogada decisiva, foi quando o quarterback sobreviveu a uma blitz da defesa, chegando a ser tocado por três defensores antes de lançar a bola para o wide-receiver Taiwan Jones, que correu por quase 30 jardas.

Forbath se manteve concentrado e mesmo após o tempo dos Bills na tentativa de congelar o kicker, conseguiu converter o field goal de 28 jardas para confirmar a vitória de Houston.

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade