NFL - Temporada regular

  • Crédito: Getty Images Sports

    Justin Tucker converteu field goal de 49 jardas para garantir a vitória dos Ravens no último lance

Resumão do domingo na NFL

Primeira vitória dos Bengals e triunfo dos Ravens em 'prévia do Super Bowl' marcam jogos pré-SNF
Por: Redação - 01/12/2019 23:37:10

A rodada deste domingo (1), antes do Sunday Night Football teve como principais destaques a primeira vitória do Cincinnati Bengals na temporada e o triunfo do Baltimore Ravens contra o San Francisco 49ers na “prévia do Super Bowl”

Confira abaixo mais sobre os jogos deste domingo (24), na NFL.

Cleveland Browns (5-7) 13 x 20 Pittsburgh Steelers (7-5)

Quando Big Ben Roethlisberger se lesionou logo no primeiro jogo da temporada, parecia que os Steelers estavam fadados ao tank. Mas com mais uma atuação consistente de Devlin Hodges, Pittsburgh chegou a 7-5 e vivo na luta pelos playoffs.

Hodges passou para 14/21 em 212 jardas, um touchdown e uma interceptação, contando com o bom desempenho do receiver James Washington (quatro recepções para 111 jardas e um touchdown).

Já Mayfield terminou a partida com 18/32 para 196 jardas, um touchdown e uma interceptação, lançada na última campanha dos Browns no jogo. Com a chance de empatar o duelo, o quarterback forçou rota longa, mas foi interceptado pelo cornerback Joe Haden.

Green Bay Packers (9-3) 31 X 13 New York Giants (2-10)

Nada melhor que após uma derrota acachapante, enfrentar um adversário em má fase. Essa foi a história dos Packers, que com tranquilidade e uma grande partida de Aaron Rodgers venceram com facilidade os Giants para se manterem firmes na liderança da NFC Norte.

Rodgers terminou a partida com 21/33 para 243 jardas e quatro touchdowns, contando com o excelente desempenho ofensivo da dupla Allen Lazard (três recepções para 103 jardas e um touchdown) e Davante Adams (seis recepções para 64 jardas e dois touchdowns).

Já Daniel Jones teve uma atuação ruim, com 20/37 para 240 jardas, um touchdown e três interceptações, além de mais um fumble sofrido. Com a derrota, os Giants entraram de vez pela briga pela primeira escolha na temporada.

Philadelphia Eagles (5-7) 31 x 37 Miami Dolphins (3-9)

A magia de Ryan Fitzpatrick segue contagiando o vestiário em Miami. Com mais uma atuação consistente do quarterback e com um touchdown bizarro dos times especiais, os Dolphins seguem crescendo na temporada e atrapalharam os Eagles na luta pelos playoffs.

Fitzpatrick terminou a partida com 27/39 para 365 jardas, três touchdowns e uma interceptação, contando novamente com mais uma partida forte do receiver DeVante Parker (sete recepções para 159 jardas e dois touchdowns).

Do lado dos Eagles, Carson Wentz teve bons números com 28/46 para 310 jardas, três touchdowns e uma interceptação. O running back Miles Sanders com 105 jardas de scrimmage e um touchdowns e o receiver Alshon Jeffery com nove recepções para 137 jardas e um touchdown.

Os Dolphins conseguiram um dos touchdowns mais incríveis da temporada. Alinhados na linha de uma jarda com uma formação de times especiais, o punter Matt Haack recebeu o snap direto e conseguiu o passe rápido para o kicker Jason Sanders.

Os Eagles chegaram a ter a chance da vitória na última posse de bola do jogo, mas a hail mary de Wentz caiu nas mãos do cornerback Chris Lammons.

Tampa Bay Buccaneers (5-7) 28 x 11 Jacksonville Jaguars (4-8)

Em mais uma sólida partida da defesa dos Buccaneers, os Jaguars colocaram Nick Foles no banco e viram Gardner Minshew entrar em campo e mostrar bom desempenho. Será que Doug Marrone vai retornar o calouro como titular?

Os números de Foles foram muito ruins com 7/4 nos passes para 93 jardas e uma interceptação, além de dois fumbles perdidos. Já Minshew conseguiu 16/27 nos passes para 147 jardas, um touchdowns e uma interceptação.

Do outro lado, Jameis Winston teve uma sólida partida como titular. 21/33 nos passes e 268 jardas lançadas. Já na defesa, Shaquil Barrett demonstrou mais uma vez sua excelente temporada, com dois sacks forçados.

Tennessee Titans (7-5) 31 x 17 Indianapolis Colts (6-6)

Colocar Marcus Mariota no banco e Ryan Tannehill atrás do pocket ressuscitou a temporada dos Titans. Em mais uma partida sólida do quarterback, Tennessee buscou a virada e deixou os Colts em situação complicada em chances para os playoffs.

Tannehill terminou a partida com 17/22 nos passes para 182 jardas e dois touchdowns e teve no running back Derrick Henry grande apoio, com Henry finalizando o jogo com 166 jardas de scrimmage e um touchdown terrestre.

Do lado dos Colts, Jacoby Brissett teve uma partida irregular com 25/40 nos passes para 319 jardas, um touchdown e duas interceptações. O receiver Zach Pascal com sete recepções e 109 jardas foi o principal destaque da equipe na partida.

Os Titans consolidaram sua vitória com 14 pontos seguidos no último quarto, tendo seu primeiro touchdown anotado em um bloqueio de field goal recuperado para touchdown. Dane Cruikshank conseguiu bloquear o chute de Adam Vinatieri e Tye Smith correu livre até a end zone para o touchdown.

New York Jets (4-8) 6 x 22 Cincinnati Bengals (1-11)

Após 12 jogos, finalmente os Bengals conquistaram a vitória e justamente no retorno de Andy Dalton no comando do ataque da equipe. Mesmo com o triunfo, Cincinnati segue tendo o pior ranking da NFL e teria a primeira escolha no próximo Draft.

Dalton finalizou a partida com sólidos 22/37 para 243 jardas e um touchdown. Já a defesa teve a firme presença do defensive end Carlos Dunlap, que registrou sete tackles e três sacks.

Os Jets mais uma vez tiveram uma participação ruim de Sam Darnold no comando do ataque da equipe. O quarterback registrou 28/48 nos passes para 239 jardas e manteve os Jets na briga pela primeira escolha no próximo Draft.

Washington Redskins (3-9) 29 x 21 Carolina Panthers (5-7)

Os Redskins realmente gostaram de vencer na temporada. Com uma sólida participação da defesa e do jogo terrestre, Washington complicou de vez as chances de playoffs dos Panthers, que sem Cam Newton, seguem com dúvidas sobre o desempenho sobre Kyle Allen.

Haskins fechou o jogo com 13/25 nos passes para 147 jardas e teve em seus running backs Derrius Guice (129 jardas e dois touchdowns) e Adrian Peterson (99 jardas e um touchdown) para mover as correntes do ataque.

Já Allen fechou o jogo com 27/46 para 278 jardas, dois touchdowns e uma interceptação, além de 22 jardas corridas e um touchdown terrestre.

Os Panthers chegaram a ter a última posse de bola do jogo para vencer, quando conseguiram recuperar um onside kick chutado por Michael Palardy. Allen chegou a levar Carolina na linha de três jardas, mas na tentativa de conversão da quarta descida, o quarterback se atrapalhou, perdeu as rotas e andou para trás até ser sackado pelo defensive end Chris Odom e finalizar o jogo.

San Francisco 49ers (10-2) 17 x 20 Baltimore Ravens (10-2)

O duelo mais aguardado da rodada foi decidido nas defesas e na eficiência dos kickers, os Ravens bateram os 49ers e com isso podem ultrapassar o New England Patriots no topo da AFC.

Lamar Jackson teve mais uma partida digna de MVP com 14/23 nos passes para 105 jardas e um touchdown, além de 101 jardas terrestres e um touchdown pelo chão.

Jimmy Garoppolo teve números regulares com 15/21 para 165 jardas e um touchdown aéreo e contou com o bom desempenho do jogo terrestre do running back Raheem Mostert com 146 jardas e um touchdown.

Após duas campanhas paradas na quarta descida para cada uma das equipes, coube a Justin Tucker decidir o jogo no field goal no estouro do relógio. Tucker cobrou o chute de 49 jardas para garantir a vitória. Anteriormente, Robbie Gould havia perdido um field goal de 51 jardas.

Los Angeles Rams (7-5) 34 x 7 Arizona Cardinals (3-8-1)

Com a corda no pescoço para se manterem vivos na temporada, os Rams dominaram de ponta a ponta os Cardinals com uma sólida atuação de Jared Goff e de sua defesa, que fez com que Kyler Murray fosse exposto durante todo o jogo.

Goff terminou a partida com 32/43 para 424 jardas e dois touchdowns. O jogo ofensivo dos Rams ainda contou com bom desempenho do running back Todd Gurley (115 jardas de scrimmage e um touchdown terrestre), do receiver Robert Woods (13 recepções para 172 jardas) e o tight end Tyler Highbee (sete recepções para 107 jardas e um touchdown).

Já Murray teve uma partida digna de calouro, com 19/34 nos passes para 163 jardas e uma interceptação, além de 28 jardas terrestres e um touchdown pelo chão.

Los Angeles Chargers (4-8) 20 x 23 Denver Broncos (4-8)

A Era Drew Lock em Denver começou com triunfo dos Broncos. A vitória não valeu quase nada para a equipe de Colorado, mas para os Chargers praticamente encerrou as chances de playoffs do time.

Lock teve 18/28 nos passes para 134 jardas, dois touchdowns e uma interceptação, além de 15 jardas terrestres. Os dois touchdowns do quarterback foram para o receiver Courtland Sutton, que fechou a partida com 74 jardas.

Philip Rivers conseguiu bons números com 20/29 nos passes para 265 jardas, dois touchdowns e uma interceptação. O ataque dos Chargers ainda contou com o bom desempenho do running back Melvin Gordon (110 jardas de scrimmage) e do receiver Mike Williams (117 jardas aéreas).

Os Broncos chegaram a abrir o jogo com 17 a 3, mas Rivers buscou dois touchdowns para empatar o jogo. O jogo chegou empatado nos segundo finais, mas Sutton foi puxado pelo cornerback Casey Hayward na linha de 35 jardas do campo de ataque e permitiu ao kicker Brandon McManus o chute da vitória de 53 jardas para coroar a estreia de Lock.

Oakland Raiders (6-6) 9 x 40 Kansas City Chiefs (8-4)

Derek Carr havia falando anteriormente na semana que uma nova atuação ruim dos Raiders iria resultar em uma derrota por 50 pontos. Com um novo desastroso, os Chiefs conseguiram 40 pontos anotados e praticamente garantiram o título da NFC Oeste.

A vitória de ponta a ponta dos Chiefs foi construída com uma sólida atuação de Patrick Mahomes (15/29 nos passes, 175 jardas, um touchdown, 25 jardas corridas e um touchdown pelo chão), além de três turnovers forçados contra os Raiders.

Carr teve pela segunda semana seguida uma partida ruim com 20/30 nos passes, 222 jardas, dois touchdowns e uma interceptação. O running back Josh Jacobs (104 jardas terrestres) e o tight end Darren Waller (sete recepções para 100 jardas) foram os destaques dos Raiders no jogo.

 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade